quinta-feira, abril 17, 2008

Pequena Rota (PR) “Pedras, Moinhos e Aromas de Santiago”, que ligará os concelhos do Marco de Canaveses a Baião, será inaugurada dia 13 de Julho


A Câmara Municipal de Marco de Canavezes assinalou o “Dia Nacional dos Moinhos” com o início dos trabalhos de recuperação de 3 moinhos (aqueles para os quais foi possível obter autorização em intervir),de um conjunto de 11, que se localizam no lugar de Vinheiros de Cima, na freguesia de Soalhães, nas faldas da serra da Aboboreira. Estes moinhos irão integrar-se no futuro percurso pedestre de pequena rota “Pedras, Moinhos e Aromas de Santiago”.

[...]

Uma equipa de funcionários da Câmara do Marco de Canaveses, iniciou a intervenção que vai incidir em trabalhos de limpeza, recuperando o telhado, substituindo as telhas que estão degradadas, mas, “com telha rigorosamente igual à original”, tapar as juntas recorrendo a material rústico e recuperação das madeiras degradadas. No local foi possível comprovar que um dos moinhos ainda funciona normalmente.

O Presidente da Câmara do Marco de Canaveses, Manuel Moreira, esclareceu, «os trabalhos a realizar são os estritamente necessários, porque temos a preocupação de manter toda a traça original, intervindo sem desvirtuar, porque queremos preservar este belíssimo património cultural e arquitectónico, que se identifica com a cultura de um povo, porque era por aqui que passava muita da vida desse povo anónimo e trabalhador, desde logo para o seu próprio sustento, enraizada na vida comunitária que nos remete há própria história das primeiras ocupações da terra, fundamentadas pelo núcleo arqueológico que aqui bem perto está documentado».

Nesta acção participou a Presidente da Junta de Freguesia de Soalhães, Cristina Vieira, cuja autarquia tem já em curso um projecto de candidatura para promoção e divulgação, através da Dólmen (Cooperativa de Formação, Educação e Desenvolvimento do Baixo Tâmega), do futuro percurso pedestre com uma extensão de 14 km’s, e, que ligará os concelhos do Marco de Canaveses e Baião.

O objectivo é o de candidatar o percurso à Federação Portuguesa de Campismo e Montanhismo, responsável pela modalidade de Pedestrianismo, com o objectivo deste ser homologado, passando a fazer parte dos percursos recomendados. O percurso é de resto, parte integrante dos “Caminhos de Santiago” outrora percorridos pelos peregrinos a caminho da cidade espanhola de Santiago de Compostela.

A intervenção dos funcionários da Câmara Municipal do Marco de Canaveses, assim como todo o processo de homologação e reconhecimento deverá estar concluído antes do dia 13 de Julho de 2008, dia escolhido para a inauguração do percurso pedestre “Pedras, Moinhos e Aromas de Santiago”, o que a concretizar-se deverá ser integrado no programa oficial das Festas do Concelho do Marco de Canaveses.


Fonte: Câmara Municipal de Marco de Canavezes

(Informção recebida via email por
Rafael Moreira)


Sem comentários: